,O site

 

Este site nasce para perpetuar parte da corajosa luta de Edward Snowden na internet.

O site Deus Ateu é uma plataforma digital que se relaciona com os mais diversos campos da cultura. Entrevistas, ensaios e diálogos, compõem a nossa produção escrita. O site está destinado a oferecer ao leitor, por meio de publicações semanais, conteúdos inéditos e questionadores. 

As matérias elaboradas por autores e autoras convidadas, são pautadas por nossas três editorias fixas – Arte, Design e Psicanálise. Obedecemos ao questionamento sem fronteiras e a dúvida enquanto estratégia capaz de promover a diversidade dentro do oceano do social.

Em nosso site, o respeito a realidade se configura através do questionamento dinâmico sobre aquilo que o a sociedade organizada não discutiria por "vontade própria".  Entendemos que as questões que o cotidiano rejeita, pela ausência de uma confortável solução, podem e devem surgir pelo diálogo promovido pelos criativos da cultura, de modo constante, apartidário e participativo. Os governos não podem e jamais poderão protagonizar a história do mundo e a história da criatividade, conseguinte.

Além disso, o site Deus Ateu é um espaço que hospeda e distribui publicações sobre cultura de modo geral. Em consonância com nosso tempo, possuímos uma surdez rigorosa para a intolerância e audição limpa para a alteridade, portanto, este é e sempre será um espaço coletivo e plural, intuitivo e sagaz.

Seguindo os princípios da idolatria da dúvida, do apetite pelo desconhecido, e da intuição enquanto forma para tatear o indizível nessas quatro áreas, o site Deus Ateu, como o seu próprio nome simboliza, representa a urgência da promoção de um espaço onipotentemente democrático, horizontal e intelectualmente laico.

Este é um espaço pós-contemporâneo situado um minuto antes do futuro e uns vinte e cinco ou trinta e seis segundos após o presente.

 

Seja bem-vindo.

,Por uma Editora Colaborativa

 

Este é um site colaborativo.

A sobrevivência deste espaço depende de colaborações intelectuais, visuais, ensaística, didáticas e filosóficas.

 

Os livres pensadores aqui publicados, sobretudo, organizaram antes o mundo ao seu redor conforme as vanguardas de suas respectivas áreas de conhecimento.

 

São pessoas que revisaram os campos que participam e, portanto, ofertam aqui as suas ideias mais recentes.

 

Clarividências sociais, delírios mais ou menos racionais e antevisões estéticas e filosóficas acerca da forma e do conteúdo que o mundo contemporâneo expressa através de sua ainda difusa fisionomia, são a tônica deste espaço formativo e informativo.

Falaríamos das vanguardas segundo a perspectiva destes pensadores e o material inscrito estaria exageradamente retirado de uma linguagem auto-referencial e, no pior dos casos, codificada aos outrora iniciados nos assuntos mais recentes.

Uma vez assim percebidas as fragilidades que poderiam advir deste modelo de rastreio, optou-se por uma fórmula inesperada, e foi neste instante que o site DEUSATEU.COM.BR envolveu-se numa dinâmica especial para "definir" o que é uma ideia e o que seria uma ideia "pós-contemporâneo".

Assim, através de intuições e outros modelos de aproximação do inédito, o DEUSATEU.COM.BR organizou as suas pautas segundo as seguintes balizas:

- Todas as áreas podem e são artísticas quando as ideias daquele determinado pensador organizam outros modos de sublimar o conteúdo tradicionalmente compreendido.

- É preciso rever a tradição, exorcizá-la publicamente e nomear qual espírito sairá dali para encarnar as revelações de nossa época.

- Todas as áreas do pensamento podem apontar indícios capazes de revelar as partes mais vibrantes e brilhantes deste tempo que desde já investiga o futuro.

- Todos os pensadores aqui elencados, depois de admirados pela editora colaborativa do site, foram especialmente convidados a escrever ou desenhar os seus ensaios numa zona livre.

- Todos os pensadores que formam a identidade do site DEUSATEU.COM.BR, cederam os direitos de publicação de seus textos e desenhos e abriram mão de recompensas financeiras, sobretudo por botarem crença que ainda se é possível constituir um espaço obstinado em integrar e interagir toda a gente (através de todas as perspectivas).

Entendemos que assim, em uma nobre atividade social, estes que deixam aqui editados os seus testemunhos e intuições acerca das mais interessantes ou quase invisíveis inquietações deste começo de século, fazem muito mais que somente expressar uma opinião perdida no cyber espaço.

O Deus Ateu agradece a sua apreciação, o seu compartilhamento ou a sua colaboração.

 

deusateu.com.br

,Editores / equipe 

 

Marcio Tito é dramaturgo e diretor no coletivo que fundou em 2012, a Tragédia Pop. Com esse coletivo, estreou "Roberto e a Filologia das Estrelas", " Macumba Pop para Edward Snowden", entre outras. Entre 2015 e 2016, foi premiado como autor no Concurso Nacional de Indaiatuba e também no Concurso Nacional oferecido pelo Instituto da Memória. Em 2019, foi indicado como melhor autor, na categoria monólogo, no Festival Fescette, em Santos. É formado em  Dramaturgia, pela SP Escola de Teatro. Como ator, estreou mais dez montagens, dentre essas, a multipremiada Roberto Zucco, com direção de Rodolfo Garcia Vázquez, em 2013. Foi convidado a dirigir o espetáculo Entre Quatro Paredes, de Sartre, no Festival De Artes Vertentes, em Tiradentes (MG). Como diretor convidado, dirigiu a atriz Aline Paiva, em "Tentativas Contra A Vida Dela", de Martim Crimp, na Universidade de São Paulo (USP). Escreveu críticas e resenhas para a revista Antro Positivo; cobriu mostras e festivais nacionais e internacionais. Destacam-se em São Paulo, Mostra Internacional De Teatro (MIT) e Festival Contemporâneo De Dança (FDC). No Rio de Janeiro, Cena Brasil Internacional, em São José do Rio Preto, Festival Internacional De Teatro (FIT) e, na Bahia, o Encontro Das Artes. (IC). Atualmente, é editor de cultura e arte no site deusateu.com.br. Aguarda a estreia de Laura Diz, Para Seu Irmão, com direção de Fabricio Castro, que encenou Nossa Senhora Das Transexuais e outras peças. Com a Tragédia Pop, mantém em cartaz a live "Tragédia Conta Quarentena", com textos e interpretação de Thais Grootveld. Ensina teatro e dramaturgia.

Guilherme Paes é pesquisador na área de design gráfico com foco na linguagem visual do design contemporâneo, graduado na Universidade Anhembi Morumbi (2017) no Curso de Design Gráfico. Possui experiência na tutoria de projetos acadêmicos de design gráfico nas áreas de editorial, história do design, identidade visual e embalagem. Seus estudos são direcionados a experimentações e desconstruções da linguagem visual em materiais gráficos. Vinculado ao programa de pós-graduação de Artes, Design e Tecnologia da Universidade Anhembi Morumbi (UAM), cursa o processo de mestrado do programa. Investigando o projeto gráfico editorial do designer gráfico brasileiro Gustavo Piquera (Casa Rex), que explora os limites da linguagem visual, material e do livro impresso como objeto. Atualmente é editor de design, artes gráficas e linguagem visual do site deusateu.com.br.

Henrique Paes é Psicanalista clínico, Professor de Psicanálise e Coordenador Pedagógico do Espaço ASAS. Possui formação em Psicanálise pela Escola de Psicanálise Estrutural (EPE) e em Relações Internacionais pelo Centro Universitário Belas Artes. Além disso, é editor de Psicanálise e Cultura do site deusateu.com.br.

Thiago Oliveira é consultor de marketing. Possui experiência na área comercial, desenvolvimento de público e nas abordagens de inbound e outbound marketing. Especialista em empreendedorismo e novos negócios. É responsável pelas redes sociais, relacionamento e branding do site deusateu.com.br.

Estamos em movimento. Inscreva-se hoje!

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon